12 janeiro 2015

Cuscuz marroquino barbaramente saudável

E já que falei sobre minha nova opção alimentar quase vegetariana, compartilho com vocês uma receita que adoro, rápida, bastante versátil e que até hoje todos que provam, gostam.

Compro a semolina de trigo no supermercado na faixa de R$8/ 500g, mas ela rende muito. Essa quantidade depois de pronta, se você acrescentar muitos ingredientes, dá para 4 pessoas comerem muito bem como prato principal.

Sempre vario os ingredientes que acrescento, mas costumo utilizar como padrão a cebola e a cenoura, mas pode utilizar beterraba, berinjela, vagem, tomate, pimentão, pepino, etc, a seu critério.

Também utilizo alguma oleaginosa ou semente de girassol para ficar crocante, além de colocar quase todos os ingredientes crus, exceto berinjela e vagem, dos citados aqui e, boa parte deles com casca, se forem orgânicos.

Você também pode acrescentar gergelim, linhaça, quinoa, quanto mais enriquecido, melhor.

Benefícios da semolina:
Além de ser fonte de potássio e proteína, é excelente fonte de selênio, um importante antioxidante que protege os vasos sanguíneos.

Modo de preparo:
- Para cada xícara de semolina, utilize 1 xícara de água quente para hidratar. Coloque também no momento da hidratação, 1 colher de sopa de azeite.
- Deixe descansar por 10 minutos em um recipiente com tampa.
- A quantidade pelo menos dobra após a hidratação.
- Após o tempo de descanso, verifique se a água já foi toda absorvida, se positivo, acrescente os ingredientes escolhidos e tempere a gosto. Dê preferência a salsa, cebolinha, orégano e outros temperos para acrescentar o mínimo possível de sal.
- Pode ser servida quente ou fria.
- Quem come carne, também pode acrescentar proteína animal. Outra opção é utilizar ovos mexidos ou cozidos.

Resumindo, utilize a criatividade. A semolina cai bem com praticamente qualquer ingrediente.
Bom apetite!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por entrar em contato