29 maio 2017

9 testes para substituir produtos de limpeza - o que deu certo

Nas minhas tentativas de poluir menos o planeta, além de gastar menos, venho testando diversas substituições de materiais de limpeza. Aqui, listo o que já testei e o resultado:

1)  vinagre no lugar do amaciante
Sem sombra de dúvida minha troca preferida. O vinagre além de limpar ainda mais a roupa, realmente deixa macia. Compro vinagre de álcool por aproximadamente R$1 e rende umas 5 lavagens de roupa (máquina com capacidade média, uns 6 kg de roupa cada).
Há um tempo atrás, expliquei detalhadamente aqui - amaciante ecologicamente correto

2) desinfetante caseiro de limão
Meu 2o preferido. Consumo bastante limão, então consigo fazer uma boa quantidade. Nem penso em comprar mais desinfetante. Super fácil de fazer, tem nesse site - desinfetante de limão

3) sabão líquido para máquina de lavar
Já fiz alguns testes, o que achei mais simples e deu certo foi usar o próprio desinfetante de limão (200 ml), ralar um pouco de sabão de coco direto na máquina (1/8 de um sabão) e 1 colher de sopa de bicarbonato. Na última lavagem, o vinagre. A roupa fica limpa e cheirosa. Inclusive achei que ficou ainda mais macia do que com sabão em pó e vinagre.
Só não dá certo com roupa branca muito encardida, nesse caso tenho que usar o em pó comum mesmo.

4) casca de limão para limpar inox e gordura
O limão depois de espremido pode ser esfregado diretamente no inox, fica limpo e cheiroso. Também é ótimo desengordurante. Fiz um vídeo mostrando há um tempo atrás - limpando gordura sem estragar as mãos

5) vinagre no lugar de limpa vidros
Tenho mesa com tampo de vidro. Pingo umas gotas de vinagre de álcool e uso pano de microfibra, fica impecável.

6) vinagre para limpar piso frio e azulejos
Uso diluído, 1 copo de vinagre e 1 copo de água

7) vinagre para limpar mofo
Armários com manchas de mofo internamente podem ser limpos com a mesma mistura do item 6, mas precisa ser frequente. Se o mofo for antigo, precisa ferver 1 litro de vinagre, colocar num recipiente aberto e deixar dentro do armário vazio e fechado por umas 6 horas (pode ser reutilizado umas 5 vezes). Depois basta limpar e manter com saquinhos de giz e/ou potes com bicarbonato, tipo saleiro (precisa ser trocado quando empedra). Dependendo da umidade do local, não sendo muito intensa, dura pelo menos 3 meses.

8) detergente de coco caseiro
Eu gostei, o marido não porque não faz muita espuma :) Usei essa receita - detergente caseiro de coco

9) bolas de alumínio para intensificar a limpeza da roupa na máquina
Testei e não vi diferença, a dica está nesse link - bolas de aluminio

Como podem perceber, tendo vinagre de álcool, limão e bicarbonato em casa, temos um bom arsenal de limpeza :)


foto: thegraciouswife

17 março 2017

obesidade infantil x mãe em casa

uma verdade mal colocada pelo ministro da saúde - relacionar que o crescimento da obesidade infantil deve-se ao fato das crianças não acompanharem mais as mães em sua rotina em casa.

a verdade - a obesidade está sim também relacionada a desembalar mais e descascar menos.

o equívoco em parte - mãe fora de casa

a partir do momento que a mulher se torna mãe, ela continua tendo o seu lugar onde ela quiser, MAS existe uma vida sob sua responsabilidade, assim como sob a responsabilidade do PAI.

o fato é que nos dias atuais, poucas famílias podem se dar ao luxo de uma dessas figuras passar a maior parte do tempo em casa exercendo esse papel, mas não é porque isso não é possível que deixou de ser fundamental.

uma série de obstáculos já se colocam desde o início. é mais que conhecido que a amamentação ajuda na redução da obesidade infantil, principalmente a prolongada. mas quantas empresas incentivam de fato a licença maternidade de pelo menos 6 meses? quantas mulheres estão tranquilas que ao retornarem para o trabalho não serão demitidas? isso sem falar em todas as dificuldades que a mulher passa para amamentar, quando consegue...

outro equívoco é acreditar que se mãe ou pai estão em casa, a criança terá menos problemas de obesidade. e se algum dos 2 também não tiver uma alimentação saudável, de que adianta? e se o hábito for comer um bando de superprocessados, refrigerantes e tranqueiras semelhantes?

alguém tem que exercer esse papel, seja mãe, pai, avós, empregados, ou quem quer que seja. não incluo escola porque entendo que seu papel é complementar, a responsabilidade principal tem sim que estar em casa.

então, o problema é bem mais complexo do que apenas a mãe estar em casa.


a matéria:
https://noticias.uol.com.br/saude/ultimas-noticias/estado/2017/03/15/ministro-associa-obesidade-a-criancas-nao-descascarem-alimentos-com-as-maes.amp.htm

01 março 2017

a receita mais versátil que já conheci e barbaramente saudável!

um dia, pesquisando uma receita de "massa podre", aquela que faz base de torta, mas que fosse leve e saudável, encontrei uma ótima no site www.tudoparavegetarianos.com.br

modificações aqui, modificações ali, cheguei numa textura que me agradou mais e já usei para muuuuitas coisas, tortas, biscoitos, pastéis de forno, palitinhos e ontem, adaptei também para biscoito doce, show!

a receita salgada é:

- 2 xícaras de farinha de trigo integral
- 2 xícaras de farinha de aveia (ou aveia em flocos batida no liquidificador)
- 1 xícara de água morna
- 1/3 xícara de azeite
- 1 colher de café de sal

misture as farinhas e o sal. se quiser, pode acrescentar gergelim, orégano, fica muito bom!
em seguida, abra um buraco no meio e coloque o azeite e a água.
vá misturando até formar uma massa homogênea que desgrude da mão com facilidade (se precisar, vá acrescentando um pouco mais de farinha até chegar no ponto, mas geralmente com só isso de azeite ela fica na textura correta).
ai fica a criatividade, vc pode fazer uma base de torta, palitinhos, bolinhas, pastel, moldar, etc.
rendimento da receita

a receita doce:

- trocar o azeite por óleo de coco
- reduzir o sal para apenas 1 pitada
- acrescentar 1/2 xícara de açúcar mascavo

o processo é o mesmo. também pode adicionar canela e cravo em pó, noz moscada, cacau, fica muito bom.


torta de ricota com cebola, espinafre e açafrão

o mesmo com presunto e uma capa de massa por cima

tortinhas com recheio doce e pastel

meu favorito, quiche de alho poró

com recheio de beringela, pimentão e parmesão

biscoitinhos bolinhas (nesse troquei a farinha integral por branca)

biscoitos salgados em vários formatos

biscoitos doces

12 janeiro 2017

Yoga para crianças

Não é de hoje que a prática de Yoga faz parte da minha vida, lá se vão 15 anos.

Em 2016, veio um desejo forte de passar todos os benefícios da prática para meu filho e principalmente melhorar cada vez mais meu relacionamento com ele, aumentar minha paciência, entender melhor o tempo da criança, enfim, aprimorar minha maternidade através desta relação diária com outro foco.

Cada dia percebo que nossos sentimentos e pensamentos se alinham e nos encaminham para o que precisamos no tempo certo.

Comecei a buscar como poderia transmitir isso para ele e encontrei alguns cursos de formação em Yoga para crianças. Comecei a dar aulas com uma amiga que já tinha formação e aprendi muito com ela na prática, além de a cada aula, também aprender muito com as crianças. Hoje, tenho certificação como instrutora em Yoga para crianças, jovens e Yoga na educação, 

Num primeiro momento, imaginamos - como fazer todas aquelas posturas (asanas) com as crianças? O Yoga já é algo natural nas crianças e vai muito além das posturas. 

A criança tem a natureza pura e ao longo dos anos, vai se afastando disso. Nós, adultos, precisamos avaliar a maneira como encaramos a vida, nossas atitudes, princípios, a consciência de que tudo que fazemos atinge de alguma maneira quem está a nossa volta; um exercício constante de auto reflexão e aprimoramento. Yoga é isso tudo e mais um pouco.

Podemos de maneira lúdica aplicar diversas práticas além das posturas, como exercícios respiratórios, contação de histórias, entre outros. Todos ajudam no desenvolvimento da consciência, autoconfiança, e concentração.

O instrutor de uma criança é um facilitador nas suas buscas e descobertas, plantamos a semente do autoconhecimento, da reflexão, da responsabilidade pelos próprios atos, humildade e disciplina.

Esse é meu caminho. É nele que desejo me aprofundar cada vez mais para o cumprimento de minha missão.

Namastê ॐ







15 outubro 2016

"espaguete" de abobrinha barbaramente saudável

dia desses, vi bela gil preparando essa comida e corri para comprar o cortador apropriado. dá para fazer num ralador comum, mas além de não ficar com o comprimento semelhante a um espaguete, também ficará achatado, mais semelhante a um talharim.

só que na 1a vez que fiz, me enrolei um pouco pois queria usar como o descascador de legumes, até que acertei o jeito de usar, como podem ver no vídeo a seguir



depois, basta cozinhar bem rapidamente no vapor (por volta de 5 minutos no máximo), fique de olho para continuar al dente.

você também pode apenas fazer um pouco de alho refogado e passar a abobrinha nele, fica bem gostoso.

pode também acrescentar o molho de sua preferência. gosto bastante da receita da bela gil que substitui o tomate por beterraba e cenoura, mas como cada hora invento algo, o molho abaixo ficou delicioso e foi feito da seguinte maneira:

- 1 beterraba grande crua
- 2 tomates pelados
- 1 rabanete médio cru
- 1 cebola pequena
-200 ml de água

bati tudo junto no liquidificador e levei ao fogo médio para engrossar um pouco. acrescentei 100 ml de shoyu, orégano, salsa e acertei o sal.

na hora de servir, gosto de jogar ricota defumada ralada por cima.

dica 1 - rale a abobrinha somente até a parte onde começam as sementes, pare por ai.

dica 2 - coloque o molho por cima da abobrinha somente na hora de comer para permanecer al dente.